Corrupios on the Road

rebeca-rasel

Olá!

Temos recebido muitos comentários positivos dos novos donos de Corrupios e essa é uma das partes mais prazerosas de nosso trabalho, porque o handmade permite essa aproximação com o cliente, diferente da produção em massa, onde não existe essa conexão entre quem fez o produto e quem o comprou. E dentre todos os relatos, a frase que mais escutamos é: “tenho pena de usar meu Corrupio”. Para que isso não aconteça (pois um Corrupio deve corrupiar), inauguramos uma nova categoria de posts para que você não tenha pena e use o seu Corrupio!

O Corrupio acima é da artista visual Rebeca Rasel, do Rio de Janeiro. Rebeca iniciou seu projeto de livro de artista com um Corrupio Flores Amarelas.
A artista desenvolve projetos no campo da performance, da experimentação sonora, da colagem, e da fotografia, e coleciona máquinas de escrever.
Para conhecer mais sobre o trabalho de Rebeca, clique aqui.

– – – – –
Criamos também uma piscina no Flickr para que os usuários mostrem suas experiências em seus Corrupios. Esperamos pela sua contribuição!